23 de jun de 2018

Intromissão não é ajuda

Alguns dos nossos sofrimentos são opcionais. Por mais que a gente diga que não nasceu pra sofrer, somos seres de luz e blá blá blá, muitas vezes, a gente opta por sofrer, sim. Quer um exemplo?  

Os seus valores servem pra você, os meus valores servem pra mim. Os valores que não servirem, nem pra mim, nem pra você, a vida vai se incumbir de mostrar e adequar a gente para os valores corretos.  Mas não serei eu, nem você, os donos da verdade, de apontarmos como as pessoas devem ser, agir ou pensar. E dessa forma, não nos intrometendo na vida dos outros, a gente se poupa de sofrer, porque não estaremos criando expectativas além da conta. As pessoas são como ela são e agem de acordo com os seus próprios princípios.

Por mais que você queira ajudar alguém, primeiro, você tem que saber se a pessoa quer a sua ajuda, se ela pediu a sua ajuda. Não foi o caso? Não se meta! Por mais que você tenha experiência, seja lá no que for, não se meta, a menos que te convoquem, o que, na maioria das vezes, não é o caso.

Ninguém tem que sofrer o sofrimento do outro.  Ninguém tem que tentar resolver a vida de ninguém. Cada um com o seu cada um. E isso não é indiferença, isso é maturidade.

Você pode ter um amigão, ou amigona, e não precisam estar no mesmo patamar para que a amizade continue.  Cada um tem o seu próprio tempo de aprendizagem, de evolução, de entendimento das coisas  e, tudo bem, a vida vai seguindo seu rumo, com cada um trilhando o caminho que escolheu, aprendendo e pagando o preço dessa escolha.  E se cada um viver a própria vida, sem se meter na do outro, que maravilha viver!

Hoje, até quando alguém vem me pedir um conselho, eu pondero,  muitas vezes não digo nada e em outras situações, eu sou capaz até de concordar com certas bobagens, pelo simples fato de me poupar de coisas que não irão me acrescentar em nada. O problema de fulano diz respeito ao fulano, não a mim.

É isso!

Um abração!

20 de jun de 2018

Inverno começa nesta quinta, 21

O outono se despede. A partir das 7h07 desta quinta-feira, 21, começa a estação mais fria do ano, no Brasil, que é amada por uns e odiada por outros. O inverno prossegue até o dia 22 de setembro. E,  ao contrário do que andaram divulgando por aí, esse ano, a estação não terá o frio mais rigoroso dos últimos tempos, mas semelhante ao frio do ano passado, e sem nenhum fenômeno meteorológico – como El Niño ou La Niña – para mudar sua rotina normal.

15 de jun de 2018

Coca-Cola transparente?

Sem cor e sem caloria, a nova versão da Coca-Cola, a Clear, foi lançada no Japão recentemente com a promessa de muito sucesso, onde as bebidas transparentes estão virando moda.


O lançamento foi divulgado pelo site Japan Today, que testou o refrigerante em primeira mão e garantiu que a Clear tem quase o mesmo sabor que a Coca-Cola tradicional, apenas com um leve toque cítrico.

Não há previsão de que essa novidade ganhe o mundo, não. A sua comercialização ficará restrita ao Japão.

12 de jun de 2018

Pensamentos, bons, coisas boas, tudo de bom!

Se na física os opostos se atraem, no campo astral, o que acontece é semelhante atrair semelhante. Aliás, para quem acompanha o blog há algum tempo, certamente já teve a oportunidade de ler a respeito, quando eu comentei sobre almas gêmeas. Em um breve resuminho, não tem essa do casal ser - um água e o outro vinho - ou os dois são água ou os dois são vinho. Pessoas que têm pensamentos muito diferentes não tendem a ficar juntas, porque viver a dois, antes de mais nada é cumplicidade, é o olhar na mesma direção.

Algo que também já comentei por aqui algumas vezes é sobre a importância de preservar o seu lar. Não é qualquer pessoa que deva entrar na sua casa. Para um bate- papo informal, um cafezinho ou uma pizza há inúmeros lugares - um shopping, uma cafeteria, uma lanchonete... Pra dentro de casa, só mesmo quem a gente quer por perto, quem a gente gosta muito, e olhe lá! Você não sabe qual é a energia de quem está entrando em sua casa, mas certamente, a energia que ela deixar - boa ou ruim - vai ficar dentro do seu ambiente por um bom tempo, e você vai sentir.

Antes de prosseguir, eu faço questão de ressaltar que eu não estou aqui tratando de religião, quem sou eu, mas de energia, do que a gente não vê, mas sabemos que existe, assim como a eletricidade, que a gente não vê, mas sabemos que ela está ali no buraquinho da tomada. Ou você nunca chegou perto de alguém e teve uma sensação horrorosa ou de repulsa ou algo que não bateu bem? Isso acontece! E não tem nada a ver com religião, mas com energia!

E nessa premissa de que nós atraímos pra gente aquilo com o qual estamos em sintonia, assim como não devemos deixar entrar qualquer pessoa em nossa casa, também não é legal que a gente leve para o nosso lar situações e pensamentos negativos.

Sabe aquela pessoa que você encontra na rua e pergunta como ela vai, por educação, e a pessoa começa a enumerar os problemas pelos quais está passando? Pois é, a gente já olha pros lados tentando arranjar um meio de sair daquela conversa rapidinho, quem nunca, né? Mas o pior de tudo é quando a gente se deixa envolver pela conversa e, pior, levamos todo o drama daquela pessoa pra casa. Ou seja, nós não devemos levar pra casa as situações negativas da rua, porque a gente não quer o nosso ambiente poluído, pelo contrário, em casa, a gente recarrega as baterias para enfrentarmos esse mundão tenso lá fora!

Muitas vezes, a gente cria hábitos ruins, que vão acabar refletindo no ambiente, até então, harmônico da nossa casa. Por exemplo: Se você liga a TV e está passando aqueles programas de tiroteio, bala perdida, briga de vizinhos etc, você vê a matéria X e depois vai fazer qualquer coisa, muda de canal e não se envolve, ok. Agora, se você é uma pessoa que todos os dias liga a TV no final da tarde para ver tiro, porrada e bomba, é porque você se identifica com isso. E se você se identifica, você se assemelha a esse tipo de energia densa, digamos assim, e começa a ter um monte de neuras, seu lar começa a se desarmonizar, em função desse baixo astral que você está atraindo pra dentro da sua casa, desnecessariamente.

Uma grande verdade da vida é que o mal é mais rápido do que o bem. Pra pegar uma uruca, a gente leva segundos; pra pegar uma benção, às vezes levamos um tempão. Então, a gente tem que ir desviando, no dia a dia, daquilo que consideramos nocivo, para que a gente não se contamine e nem que a casa da gente se polua também.

Quando a gente muda (pro bem ou pro mal), o mundo ao nosso redor nos acompanha. Que sejam mudanças, então, muito para o bem! Faz o teste!

É isso!

Um abração!

5 de jun de 2018

Não somos só o país do samba e futebol

Uma pesquisa realizada pelo Instituto Paraná Pesquisas, que foi realizada no mês de maio, apontou que os brasileiros estão mais interessados em todo esse processo da Lava-Jato, do que na Copa do Mundo. E é uma coisa inédita no país, que sempre foi chamado de 'o país do futebol'.

Países super desenvolvidos priorizam o esporte, mas também a educação, saúde, qualidade de vida dos seus, e por aí vai. O Brasil, ao contrário, sempre foi o país do oba-oba - samba e futebol, enquanto a classe política, sem ser vigiada, metia a mão. E qual a moral da história? O povo morrendo, com os perrengues do SUS, e os figurões usando o nosso dinheiro pra colocar dinheiro na cueca, em mala, em triplex e o escambau.

O povo está voltando a ser protagonista da sua própria história nesse país. Um exemplo disso foi a paralisação dos caminhoneiros recentemente. Quem imaginaria que um monte de homens simples fossem capazes de dizer ao presidente da república como é que banda toca? Isso não é maravilhoso? Isso não é um tapa na cara da classe política que, até então se julgava essencial, mas que viu que, essenciais mesmo são os que rodam pelas estradas do país?

É claro que na Copa, o povo tende a se desligar um pouco para conferir as partidas de futebol. Aliás, eu, em particular, considero muito errado ter eleição em ano de Copa do Mundo, mas talvez seja estratégico a fim de desviar a atenção da população, já parou pra pensar nisso? Mas de qualquer forma, se até a época da Copa, o povo já estiver, ao menos um pouquinho, por dentro de como o país está, em termos políticos, é possível que em outubro estejamos mais preparados para escolher melhor os nossos futuros representantes, não é mesmo?

Vale lembrar que a eleição vai ser no dia 07 de outubro. E nas cidades onde houver segundo turno, também no dia 28 de outubro.

Agora, não entra em campanhas furadas de facebook, não. Eu vejo muita tentativa de devolver o desinteresse pela política às pessoas. Dia desses, eu vi uma propaganda do tipo, "prefiro pagar R$ 3,00 de multa, do que ir votar!" Pelo amor de Deus! Isso é de uma ignorância sem medida! Não caia nessa! O voto é sua voz, a sua arma! Não deixe que te calem!

Tá bem?

Um abração!

4 de jun de 2018

Os 12 signos do zodíaco e os 4 elementos

Temas esotéricos são sempre muito polêmicos. Há quem se interesse em estudar, há quem só procure saber o assunto em tempos difíceis, há quem procure tirar proveito e há os que consideram essas coisas uma grande bobagem. Eu não vou usar esse espaço para julgar ninguém, até porque nem tenho procuração divina para tanto. Eu vou dividir um pouco do que eu venho aprendendo sobre a matéria, para que você também possa ampliar os seus conhecimentos.

A gente sabe que aquele horóscopo de jornal é uma total balela, mas culturalmente, a gente até é capaz de dar uma conferidinha no que os astros dizem naquele dia pra gente; quem nunca, não é mesmo? Agora, a astrologia quando é tratada de forma séria, e através de muitos estudos, pode ser uma ciência muito positiva em vários aspectos - na convivência social, nos relacionamentos, no ambiente de trabalho, e até mesmo pra gente se conhecer melhor. E ela atinge até quem não acredita nela!

Nós temos 12 signos do zodíaco: Áries, Touro, Gêmeos, Câncer, Leão, Virgem, Libra, Escorpião, Sagitário, Capricórnio, Aquário e Peixes.

Você sabe qual é o seu signo?  Quem nasce no período de 21 de março até o dia 19 de abril é do signo de áries. E por aí vai!


Cada um desses 12 signos vai fazer parte de um elemento específico. Quatro sãos os elementos do zodíaco e estes elementos são encontrados em cada um de nós e descrevem os tipos essenciais de personalidade associados com os signos astrológicos.

Por que 4 elementos? No atual processo evolutivo, o 4 nos rege de forma direta e está muito ligado à astrologia. Vejamos: Nós temos os 4 elementos (fogo, água, ar e terra); as 4 estações (primavera, outono, inverno e verão); as 4 fases da lua (crescente, minguante, nova e cheia).

Então, cada um dos 4 elementos (fogo, água, ar e terra) irá agregar 3 signos, que resultarão nos 12 signos do zodíaco que conhecemos.

Elemento fogo: Os nascidos sob o signo do fogo são pessoas dinâmicas e temperamentais. São as  que estão sempre motivadas; que se atiram, fazem as coisas com alegria, com prazer, se aventuram mesmo. Mas fogo é aquele negócio - machuca e não quer nem saber se machucou, porém, não são pessoas de ficarem cozinhando sentimentos - o que passou, passou, e bola pra frente. Os signos associados ao fogo são: Áries, Leão e Sagitário.

Elemento terra: Os signos de terra são: Touro, Virgem e Capricórnio. São aqueles que têm os pés no chão, portanto costumam ser bem realistas e práticos. São pessoas que não externam seus sentimentos, mas são aquelas que a gente pode contar nos momentos difíceis.

Elemento ar: Signos: Gêmeos, Libra e Aquário. O ar trabalha no campo das ideias, na comunicação. Aprender e ensinar, interagir com os outros, têm tudo a ver com esses 3 signos. São amigáveis, intelectuais e costumam ser bons conselheiros. Muitas vezes confundidos com superficiais.

Elemento água: Signos: Câncer, Escorpião e Peixes. Ligados aos sentimentos, portanto, precisam trabalhar muito as emoções, porque são à flor da pele e, muitas vezes, tendem a se dar mal com as pessoas, porque acreditam na bondade de todo mundo (e não é assim que a banda toca, sabemos!)

Então, como observamos acima, os 12 signos vibram a partir dos 4 elementos. As energias dos 4 elementos influenciam, e muito, em cada um dos 3 signos associados. E a gente não pode deixar de considerar que apesar de terem a mesma vibração, cada signo tem a sua característica pessoal, ou  seja, a vibração do elemento fogo, por exemplo, é comum aos signos de áries, leão e sagitário, mas cada signo tem a sua própria marca, certo? Mas esse papo fica para um próximo momento!

Um abração!

1 de jun de 2018

Óleo de girassol e seus benefícios para a pele

O óleo de girassol possui inúmeros benefícios - para a pele, para os cabelos, para a saúde. Por ser rico em gorduras saudáveis, vitamina E, C, B1, B5 e B6 e minerais como cobre, fósforo, zinco e magnésio, ele é considerado um dos óleos mais saudáveis disponíveis.

Nesse post, eu vou trazer alguns benefícios desse óleo para a pele. Confira:

Agente de hidratação: devido às suas propriedades emolientes, o óleo de girassol ajuda a pele a conservar a sua hidratação. Ele pode ser utilizado como uma barreira protetora contra o ressecamento;

Melhora da saúde da pele: o óleo de girassol é muito rico em vitamina E, que ajuda a prevenir os danos causados pela radiação UVA. Além disso, essa vitamina protege a pele contra as rugas;

Tratamento da acne: por ser muito leve e não gorduroso, este óleo é facilmente absorvido pela pele, sem entupir os poros. Suas vitaminas e ácidos graxos atuam como antioxidantes para regenerar as células e ajudam a combater a bactéria causadora da acne;

Proteção contra a radiação solar: além da vitamina E, o óleo de girassol é rico em betacaroteno, que deixa a pele menos sensível aos danos causados pelo sol;

Prevenção do envelhecimento precoce: as propriedades antioxidantes ajudam a combater os radicais livres que causam o surgimento de rugas e linhas de expressão em peles jovens;

Tratamento da pele seca: com um grande poder emoliente, o óleo de girassol aumenta a capacidade de retenção de água pela pele, sendo benéfico para pessoas com pele seca ou sensível;

Tratamento de outros problemas de pele: por ser um óleo de alta qualidade e apresentar textura leve, ele é apropriado para peles normais e secas. 

Com informações de Dica de Mulher