10 de dez de 2014

Argiloterapia capilar

A argila vem ganhando cada vez mais espaços nas clínicas de estética e spas nos tratamentos para a pele e cabelo. O motivo? A argila é absorvente de toxinas e impurezas e possui propriedades cicatrizantes, anti-inflamatórias, purificantes, adstringentes, remineralizantes e antissépticas. Promove a cicatrização e a reconstituição dos tecidos, estimula a circulação sanguínea e linfática e tem efeito tensor imediato e antisséptico. A argila pode ser usada no cabelo, rosto e corpo.

Nos cabelos,  o tratamento com a máscara de argila ajuda purificar, eliminar a oleosidade e fortalecer o couro cabeludo. Auxilia no crescimento saudável dos cabelos, repondo as proteínas e selando os fios.

Para quem usa muitos cremes, leave-ins, silicones é excelente a cada 15 dias usar a argila como shampoo, porque ela ajuda a limpar e eliminar todos esses resíduos que vão se acumulando no couro cabeludo.

Tipos de Argilas

Argila Branca – Rica em silício e alumínio e vários oligoelementos. Aumento na oxigenação das áreas congestionadas, regulam a queratinização, em distúrbios do couro cabeludo.

Argila Verde – Rica em magnésio, manganês, silício e vários oligoelementos.  Desinflama, esfolia, regula a produção sebácea e tem efeito desintoxicante e adstringente.

Argila Cinza – Rica em alumínio e silício. Melhora a circulação sanguínea e linfática, efeito anti-inflamatório e cicatrizante, melhora olheiras, varizes e queda de cabelo.

Argila Amarela – Rica em silício e alumínio. Ação calmante e regeneradora de tecidos.

Argila Vermelha – Rica em ferro e silício. Usada no tratamento de celulite, gordura localizada, pálpebras caídas, papada e inchaços.

Argila Preta - elevado teor de titânio, alumínio e silício (argila rara). Ativador da circulação, adstringente, contribui para a renovação celular, efeito cicatrizantes, desintoxicante, anti-inflamatório e combate a queda de cabelo provocada pela idade.

Com informações de Beleza e Saúde

Nenhum comentário:

Postar um comentário