24 de fev de 2014

Cobranças demais = separação!

A convivência a dois não é tão simples quanto possa parecer. Até o melhor dos casais tem lá seus momentos de crise, porque altos e baixos fazem parte do relacionamento, pois as pessoas estão em constante movimento. Ou seja, não resiste relação perfeita, mas sim, relação saudável.

Se você está em busca de um par ou vive em crise no seu relacionamento, esse post é pra você!

A criatura leva uma eternidade para desencalhar e quando encontra aquele boy magia começa a emburrecer e afastar o rapaz com atitudes infantis, como por exemplo, fazer cena e brigar com o seu par na frente de todo mundo. Gente, o que leva uma criatura a colocar outra criatura em situação ridícula, sinceramente? Cadê a elegância?

Uma vez eu estava num evento de apresentação de um novo modelo de motocicleta. O momento mais aguardado, claro, era a apresentação da máquina. Todos nós presentes estávamos ali fazendo a média, desfrutando do coquetel, com um agradável som ambiente ao fundo, quando de repente, uma moça 'chegou chegando' no salão, aos berros, e gritando: Eu vou dar na cara dela! Cadê a vagabunda? Um bafão, sem dúvida, que só não tomou proporções maiores porque levaram a moça para um canto, contornaram a situação, sumiram com ela dali. Máquina? Que máquina, que nada! Depois daquele barracão todo, a gente só sabia comentar sobre o ocorrido e rir. A moça ofuscou o lançamento da moto li-te-ral-men-te!

Moral da história: O namorado continuou com ela? Claro que não!

Bom, mas para não deixar a história incompleta, a moça  tomou essa atitude, porque ficou sabendo  que a ex do namorado dela estava no evento também (por sinal, estava do meu lado). E daí? Cadê a segurança da mulher? Cadê a autoestima, a confiança no seu 'taco'? Não teve, dançou! E o sujeito não voltou para a ex, não. Arranjou outra... menos barraqueira!

Outra coisa que mina qualquer relacionamento: O 'fuça daqui, fuça dali' nas redes sociais do sujeito. Terrível! Confiança existe ou não existe! Se o cara tem  5 mil mulheres nas redes sociais dele, mas te escolheu, significa que elas não importam, portanto, não se importe com elas também! Quando alguém está a fim de algo sério, não há tentação que tire o foco e o investimento na relação. No entanto, se o sujeito joga charme para Deus e o mundo, que bom que você percebeu no início e a tempo de 'pular fora'!

De Diva a Amélia! Tem coisa pior do que a pessoa viver tanto para o outro a ponto de se esquecer de si? Já comentei por aqui várias vezes sobre esse assunto. A mulher leva um dia inteiro para fazer AQUELA produção para ir para a balada. Depois que começa a namorar, se larga, se deixa, vira um pano de chão! Mais cedo ou mais tarde vai ficar sozinha e vai ser bem-feito, porque o sujeito vai voltar a procurar aquela pessoa cheirosa, bonita e bem produzida que ele conheceu um dia!

Unidos, sim! Grudados, nem pensar! - A coisa já começa com aquele perfil compartilhado no Facebook! Não vou nem comentar sobre isso, porque me cansa!

Gente, um casal, embora possa partilhar toda a sua vida comum, também precisa de um momento de individualidade. Ela, para conversar e dar risada com as amigas; ele, idem. Chiclete, ninguém merece!

E o fator surpresa? Pelo amor de Deus. De repente, um dos dois foi a um bar para arejar a cabeça, conversar com os amigos, e lá pelas tantas quem aparece? Vivemos na democracia! Época da ditadura, onde todos eram vigiados, já passou, please!

Aquela história de ligar de hora em hora, ou enviar 500 mil SMS, até que a pessoa responda, também  me reservo ao direito de não comentar, ok? Aliás, nem merece comentários! Todo mundo precisa 'respirar', né, minha gente?

Enfim, cobranças demais acabam levando à separação do casal. Se você se identificou com alguma dessas situações supracitadas, alerta VERMELHO! Cuidado, você pode estar cavando a sua própria solidão! Confie no seu taco, seja mais você e você será feliz, consigo e a dois!

Um abração!

Nenhum comentário:

Postar um comentário