19 de dez de 2009

Boas Maneiras Sempre!

Nada mais justo que começar comentando sobre boas maneiras dando um puxão de orelha nos homens: Perguntar a idade de uma mulher é crime, embora ainda não esteja previsto no código penal, como diria Danuza Leão. Jamais pergunte, mas se, naturalmente, uma mulher, num bate-papo revelar sua idade, não demosntre surpresa e nem faça comentários do tipo: "nossa, como vc está conservada!" ou "ninguém diria!". Comentar ou perguntar a idade de uma mulher é deselegante sempre.

Essa é dedicada aos amigos: Nunca chegue em casa de ninguém sem avisar, a não ser que você passe mal na porta da casa do amigo... mesmo assim interfone, toque a campainha, enfim... Chegar sem avisar na casa dos outros é muito deselegante!

E já que estamos no final do ano...

Final de ano sugere férias, que sugere viagem, que sugere visitar os amigos. Mas atenção: Nada de fazer visita inesperada de fim de semana. Se você pretende passar um final de semana na casa ou no sítio do seu amigo, que isso já esteja previamente combinado. Do contrário, nem se atreva, porque os donos da casa podem ter outros planos.

Ok, você foi convidado, tudo certinho para sua chegada. Primeira coisa: deixe claro até quando pretende ficar. Já pensou um hóspede que não sabe quando vai embora? Bem, eu e meu marido temos uma teoria: "Visita é igual a peixe: depois de três dias começa a feder!". E é verdade. Dois ou três dias são mais do que suficientes para matar as saudades e colocar os assuntos em dia.

Ao chegar, nada de ficar espalhando objetos de uso pessoal pela casa ou pelo banheiro, a não ser que você tenha um banheiro só para você. Ainda assim, procure deixar os seus pertences de forma organizada.

Seu celular descarregou e você precisa usar o telefone fixo? Peça, claro, mas ligue a cobrar. Precisando usar o telefone do seu anfitrião, ainda que seja para uma ligação local, seja breve em ambos os casos. Quer bater papo espere chegar em casa.

Nada de chegar na casa dos outros e começar a mexer em tudo. Aqui em casa, por exemplo, duas coisas me fazem rosnar: meus CDs e o micro!

Se você acorda cedo e os donos da casa não, saia em silêncio, compre uns jornais, vá fazer uma caminhada, enfim...

Ser hóspede não significa ser chiclete. Desapareça de vez em quando, vá ler um livro, ver tv, mas evite ficar o tempo fazendo de sua estada um grande acontecimento.

A quem hospeda...

Se o seu hóspede não disser por quanto tempo pretende ficar, sutilmente, pergunte.

Pergunte o que ele costuma tomar no café da manhã e procure providenciar.

Diga a seus hóspedes sobre seus horários, o funcionamento da casa, a que horas fecha a portaria, enfim, o funcionamento da casa.

Deixe-os à vontade.Cabe a eles a promoção de seus próprios limites.

Nas despedidas, volte sempre, volte logo etc, mesmo que seja tudo mentira. O importante é que seu hóspede fique com a sensação de ser querido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário