28 de jan de 2013

O Brasil inteiro de luto por Santa Maria

Esses dias, ao interagir com algumas pessoas nas redes sociais, percebi alguns assuntos recorrentes, me inspirava para trazê-los ao blog, mas no domingo pela manhã o meu provedor de internet resolveu me boicotar. Após algumas tentativas frustradas de me conectar, toca o telefone. Era a minha mãe me perguntando se eu já tinha visto a situação de Santa Maria. Ainda não, disse a ela, vou ligar a TV. Desliguei o telefone e liguei a TV, e desde então, não desgrudei mais da telinha, acompanhando essa triste história vivenciada por jovens que só queriam se divertir.

Meus Deus, que tragédia! Quanta dor! Se eu, que estou aqui na região sudeste, tenho sofrido com esse episódio lá do sul do país, imagino, aliás, nem posso imaginar, como não devem estar os moradores de Santa Maria. A dor dos parentes então...

Hoje pela manhã fui fazer exame de sangue e, na saída, comprei um jornal, que, evidentemente, não deixaria de comentar o ocorrido, e também trazia um mapa do local, que mostrava a estrutura frágil para uma eventualidade, uma vez que o acesso para entrada e saída eram mínimos.


Eu acredito que a revolta maior do Brasil, por tantas vidas perdidas, tenha se dado, justamente, pela forma estúpida de como tantas vidas foram ceifadas.

Quem sou eu para julgar alguém, mas me permito desabafar sobre esse episódio: Os donos dessa casa noturna, pelo que me parece, na busca pelo lucro, pela ascedência, esqueceram do principal - a segurança dos seus frequentadores. Ou então, são uns irresponsáveis por terem permitido lotação acima do limite, numa Casa com alvará vencido, dizem que também com os extintores vencidos, e ainda, num lugar claustrofóbico como aquele, permitirem um show pirotécnico. Ou seja, ficarem de fora de toda e qualquer responsabilidade, os sócios da Boate kiss não podem ficar, pois ao venderem ingressos, eles assumiram os riscos de qualquer coisa que pudesse vir a acontecer no interior da Casa Noturna.

Mas enfim, nada do que se diga, trará esses jovens de volta. E não podemos nos esquecer dos que ainda lutam pela vida!

Esse país precisa deixar de ser o país do jeitinho, do improviso. Punição para quem não cumprir as regras, fiscalização por parte dos órgãos competentes. Não podem políticos fazerem palanque em cima da tragédia e fazerem vista grossa depois para tantas irregularidades nesse país.

Todo o meu coração e solidariedade à cidade de Santa Maria!

2 comentários:

  1. Concordo contigo!! Eu moro no RS, na fronteira oeste, divisa com a Argentina. Tenho parentes lá, tanto paternos quanto maternos, fiquei angustiado quando soube pela manhã que um incêndio havia acontecido lá. Enquanto não soube se eles estavam bem eu não sosseguei... Nós nos momentos de aflição como este, procuramos culpar alguém, tentar nos aliviar, mas não adianta nada, como tu dissestes: Não vai trazer de volta ps que se foram. Mas precisamos nos aliviar. A fiscalização tem que melhorar, a consciência de proprietários de lugares fechados é que tem que tomar juízo e melhorar as condições.... Abraços

    R. B. Mattozzo - Blog Diretrizes da Vida

    ResponderExcluir
  2. Uma dor de todos nós, com certeza!
    Força aos irmãos gaúchos!

    ResponderExcluir