31 de ago de 2012

Tablet da Barbie não é tablet

Segundo a Revista ProTeste nº 117, de setembro de 2012, o recém lançado Fashion Tablet da Barbie, na verdade, não é um tablet e sim um simples brinquedo que não passa de jogo eletrônico. O que assemelha o produto a um tablet são o formato e a capa protetora. O produto não possui sistema operacional, nem conexão wi-fi.

A proposta do produto é contribuir com o aprendizado através da digitação, matemática, lógica e músicas (mas que deixa muito a desejar nesse sentido, segundo a revista).

O lado positivo do aparelho é a opção da língua inglesa, que estimula o contato das crianças com o idioma durante as atividades. Mas a ProTeste ressalta que adquirir o produto só por conta desse objetivo não vale a pena.

Para as crianças acostumadas com tecnologia pode ser um grande desapontamento!

Nenhum comentário:

Postar um comentário