29 de ago de 2012

Mude para não adoecer

Muitas doenças surgem em função do nosso estado emocional. Distúrbios emocionais, insatisfações ou aborrecimentos constantes e principalmente o pessimismo, a baixa auto-estima, podem enfraquecer nosso corpo, nos causando diversas doenças.

Eu, por exemplo, sempre tive uma certa facilidade em lidar com o público, mas quando trabalhei no comércio passei por um período muito difícil emocionalmente , não por lidar com o público, claro, mas pelo fato de ter a minha vida cronometrada - tantos minutos para almoçar, para lanchar, ter hora exata para chegar, mas não ter para sair.... sem contar que eu tinha que permanecer naquele espaço sem poder sair, atravessar a rua. Ou seja, estava e me sentia presa. E com o tempo, com aquela privação de liberdade, eu comecei a adoecer, comecei a ter problemas digestivos, porque guardava os meus sentimentos e tinha dificuldades para 'digerí-los'. O dia que, finalmente, me desliguei do comércio, os problemas digestivos começaram a desaparecer.

Às vezes a gente se apega a uma pessoa, a uma situação que, não necessariamente, nos faz bem. Então é preciso que haja a mudança, a libertação de coisas e pessoas para que o nosso corpo não pague pela nossa inércia.

A seguir vou deixar alguns exemplos de doenças que podem surgir em função da fragilidade emocional:

ALERGIAS: Aparecem naqueles que estão sempre nervosos e irritados com as atitudes das outras pessoas com quem convivem. Negação de poder também é uma causa.

ANEMIA: Atitude "sim, mas..." Falta de alegria. Medo da vida. Falta de confiança em si mesma.

ARTRITE: Perfeccionismo. Ressentimentos. Pessoa muito crítica com as outras pessoas que a rodeiam. Persistir em algo muito complicado, sem ajuda de ninguém, pode lhe trazer sérios problemas com os ossos de seu corpo ou então uma artrite.   COLUNA: Suporte flexível de vida. Carregando o mundo nas costas. Geralmente essas pessoas gostam de fazer tudo sozinhas e depois reclamam que ninguém dá uma mãozinha.

CORAÇÃO: Pessoas que não vivem do amor e da felicidade.

CÃIBRAS: Tensão. Medo. Agarrar. Segurar.

COLESTEROL: Obstruindo os canais da alegria. Medo de aceitar ser alegre.

DENTES: (cáries dentárias ou gengivites) Os dentes representam a família. Se você é esteio de sua família e arca com as responsabilidades e conseqüências, é propensa a ter problemas com seus dentes ou a desenvolver uma gengivite.   ESTÔMAGO: (problemas digestivos) Dificuldade de assumir novas idéias e novas experiências. Não consegue digerir uma situação. Pode ainda significar que esteja totalmente insatisfeito com sua vida sexual.

FÍGADO: Sede de raiva e emoções primitivas. Pessoa que acumula o sentimento de raiva dentro de si. Procure liberar sua raiva e não guarde rancor de ninguém, saiba perdoar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário