25 de jan de 2012

Regras de ouro para boa convivência entre seu pet e você

Elaine Natal é comportamentalista e adestradora de cães e responsável pelo adestramento dos cães que participam do Projeto Pêlo Próximo, que leva a pet terapia a lares de idosos e crianças.

Confira dicas importantes para uma boa convivência entre você e o seu animalzinho de estimação:

- O cão sempre nos vê como um da sua espécie!

- Os cães têm necessidade absoluta de um líder!

- Desde os primeiros dias, não ache graça de comportamentos indesejáveis, no futuro eles só pioram. Corte o mal pela raiz.

- Sempre, (sempre, mesmo!) faça o cão merecer o alimento, troque-o por comandos como o deita ou fica, isto "cura" a maioria dos casos de dominância exagerada.

- Lembre-se: o cão tem seus limites, tanto físicos, como psicológicos, force a barra e terá um trabalho enorme para desfazer o mal.

- A correção pode ser necessária, porem violência é falta de argumento e não deve jamais ser utilizada.

- Para que o cão o obedeça deve ter prazer e não medo de você. Algumas raças têm uma independência maior e são de difícil adestramento para o amador. Procure conhecer bem sobre a raça do seu cão.

- Prometa, olhando bem para os olhos de seu cão, que você jamais abandonará, doá-lo, vendê-lo, prendê-lo em uma corrente, deixar sem abrigo da chuva ou sem alimento. Se você for capaz de cumprir estas promessas, já tem metade do caminho andado no adestramento.

- Seu cão não é um bem de consumo que você pode se livrar quando quiser, é um ser vivo e com certeza sofre com a sua renúncia.

- Não compre um filhote por modismo ou por ser fofinho demais. Eles crescem e exigem muito tempo e dedicação. Lembre-se da promessa!

Nenhum comentário:

Postar um comentário