4 de nov de 2011

Visita ao Titanic

Em 14 de abril de 1912, o navio Titanic, considerado à prova de naufrágios, chocou-se com um iceberg. Na madrugada do dia 15, ele afundou, deixando mais de 1.500 mortos e apenas 705 sobreviventes. E somente em 1985 seus destroços foram encontrados, a 3.800 metros de profundidade e a 153 quilômetros de Terra Nova, no Canadá.

Se você tem fascínio pela história do Titanic, agora poderá embarcar numa expedição e oferecida pela empresa Luxury and More Travel e feita em dois minisubmarinos que comportam dois passageiros, cada, além do piloto. O ponto de encontro é a cidade de St. John’s, em Terra Nova, de onde parte o navio que serve de base para os mergulhos. Lá, os viajantes conhecem os exploradores, cientistas e pilotos, que dão uma série de palestras e explicações para prepará-los para a jornada.

Do quarto ao décimo dia, acontecem os mergulhos diurnos ou noturnos, de acordo com as condições, nos submergíveis MIR I e MIR II, que podem alcançar profundidades de até 6 mil metros. Aqueles que ficam a bordo podem acompanhar toda a operação, inclusive a comunicação entre o navio e os submergíveis.

Por causa do tempo, é possível que a expedição, programada para durar um total de 14 dias, estenda-se. Por isso, os organizadores recomendam que não se marque nada importante para imediatamente depois da viagem.

A expedição custa US$ 59.680 (R$ 104 mil) por pessoa em acomodação dupla, sem transporte aéreo até St. John’s, em Terra Nova, e sem traslados até o ponto de encontro. Quem não mergulhar, paga US$ 10 mil (R$ 17.432), também em cabine dupla. Os participantes ganham, no final, uma réplica dos jogos de porcelana dos jantares do Titanic.

Com informações do IG Luxo

Não é um luxo essa expedição?

Nenhum comentário:

Postar um comentário