24 de abr de 2011

Você é nomofóbico?

Termo criado pelos ingleses, Nomofobia é uma atribuição à pessoa que não consegue viver sem celular. Ainda não é considerada uma patologia, pois não configura na lista de classificação internacional de doenças. Mas é claro que tudo em exagero pode acabar levando à patologia.

Bom, desse mal eu não sofro. Eu tenho 2 celulares, e não sei nem por qual motivo, pois às vezes, chego a ficar uma semana sem vê-los, logo, raramente estão ligados. Mas de certa forma, no meu caso, eu até tenho justificativa, porque em algum momento da minha vida profissional, era o celular a minha principal ferramenta de trabalho, e quando deixou de ser, acabou ficando meio de lado.

O celular, sem dúvida alguma, é um grande facilitador. Em qualquer lugar podemos ser localizados, não estamos presos a um aparelho fixo. Mas também pode ser o grande vilão da socialização, porque pode levar a pessoa a dar mais atenção a uma ligação, do que a um amigo ao vivo, pense nisso!

Um comentário:

  1. Eu sou, Monique. Também tenho dois, um 22 e outro 21, mas um deles é um smartphone que quebra um galhão nas horas que a Frionline resolve me deixar na mão. E também serve para passar o tempo e até trabalhar um pouco naquelas intermináveis e engarrafadas viagens pela 1001. Aí é uma mão na roda, já que dá para ouvir música, rádio, passar no FB, conversar pelo MSN, tuitar e até desligar tudo e dormir! rsrs

    Já fui um nomofóbico pior, daqueles que trocavam o aparelho de 3 em 3 meses. Agora estou mais sossegado...

    ResponderExcluir