1 de dez de 2009

Que mundo louco, não?

Parte 2!

A mulher que não consegue esquecer

Uma californiana de 41 anos tem, reconhecidamente,a melhor memória do mundo.A mulher,
que é conhecida apenas como 'AJ', lembra-se de quase todos os dias de sua vida, a partir dos 11 anos de idade. Segundo ela, sua memória passa como um filme,
'ininterrupta e incontrolável'. Ela, por exemplo, lembra claramente do que ocorreu no episódio de 'Murphy Brown'em 28 de março de 1988. Além disso, ela recorda-se de fatos mundiais,idas ao mercado, temperatura e outras tantas informações que pessoas comuns não conseguem recordar.

A capacidade AJ é tão difícil de explicar que James McGaugh,Elizabeth Parker e Larry Cahill,neurocientistas da Universidade da Califórnia em Irvine,que a estudam já há sete anos,tiveram de batizar sua anomalia de síndrome hipertimésica.

A adolescente que se alimenta apenas de Tic Tac

Natalie Cooper, de 17 anos, moradora de Kent, no sudeste da Inglaterra,sofre de uma doença misteriosa:ela vomita toda vez que ingere algum alimento sólido. A única coisa que pode ela pode comer, com segurança,é a bala Tic Tac. Inicialmente, os médicos acreditavam que a menina sofria de bulimia, mas logo abandonaram a idéia.

Por razões ainda inexplicáveis,o Tic Tac é a única comida que não a deixa mal.Porém, Nathalie precisa ingerir outros tipos de nutrientes através de uma fórmula especial,
via tubo.

A adolescente descobriu que poderia tolerar as balas de 2 calorias quando experimentou em casa. 'Elas realmente me dão um pouco de energia,mas eu como mais para passar a fome. É psicológico'.

Nathalie não possui a mesma energia de outros jovens.Após trabalhar numa loja por um tempo, ela não agüentou a intensidade de um turno de 6 horas.

Em breve, ela espera se consultar com novos especialistas para buscar uma cura, antes de iniciar a vida universitária.

A mulher que desmaia sempre que ri

Kay Underwood, 20 anos, tem cataplexia, ou seja, qualquer espécie de emoção forte que tenha pode fazê-la desmaiar, devido ao enfraquecimento repentino dos músculos.
Excitação, raiva, medo, surpresa, e até vergonha podem provocar o desmaio.

Sua condição anormal foi descoberta há cinco anos,quando chegou a perder a consciência por mais de 40 vezes em um único dia.

Tal como muitos dos doentes de cataplexia,Kay sofre também de narcolepsia - adormece sem mais nem menos.

A mulher que tem alergia à tecnologia

Parece piada, mas Debbie Bird é absolutamente alérgica à tecnologia.
Para ela, falar no telefone celular, cozinhar no forno de microondas ou dirigir um carro, são tarefas praticamente impossíveis. Tudo porque Bird possui uma sensibilidade ao campo eletromagnético criado pela maioria dos aparelhos eletrônicos.

Como consequência,Debbie sofre com uma dolorosa alergia na pele e nas pálpebras,
que acabam inchando e ficando 3 vezes maior do que o normal.
Para diminuir o problema, ela criou uma espécie de zona livre da influência eletromagnética.

Nenhum comentário:

Postar um comentário