19 de fev de 2017

Menos vaidade e mais foco na vida

A gente passa a maior parte da vida tentando agradar aos outros.  Ainda que a gente nem queira e, muitas vezes, nem se dê conta,a gente passa boa parte da vida, sim, no intuito dessa aprovação do mundo.  E é claro, isso não é bom!

Não dá para viver uma vida inteira só à espera dos aplausos. Quem vive para ser um personagem para os outros, simplesmente, joga no lixo uma vida inteirinha baseada  na ilusão. E pior, sem saber se foi bom ou se foi ruim.

E quem venceu na vida? Essa pessoa, dificilmente, ficou à espera de aplausos, porque ela  focou tanto nos seus objetivos, que não teve nem tempo de olhar ao redor e, graças, a Deus,  não deu ouvido aos outros,  logo não se iludiu. Há os focados desde pequenos , estimulados pela família, e há aqueles que se iludiram tanto, que um dia ‘acordaram pra vida’ e resolveram focar nos seus objetivos.

Você se lembra quando conseguiu muito uma coisa que você queria? Foi uma loucura, não foi? Você não ouviu ninguém, você não pensava em mais nada, você perseverou e... pimba! Conseguiu o que queria!  Enquanto você estava ali no foco  sentiu insegurança? Talvez,  por um momento ou outro! Deixou essa insegurança tomar conta de você e te atrapalhar? Não mesmo! E por que não continua agindo assim, desde a hora de acordar até a hora de dormir? É complicado, né? Você tem que dar ouvidos aos palpiteiros, aos ‘acho isso, acho aquilo’, e foco na vida, que é bom, nada! E sem foco, sem sucesso!

Todas as vezes em que damos mais importância aos os outros, do que a nós mesmos,  nós sempre sairemos perdendo, pelo simples fato de que os outros podem até nos conhecer muito bem, mas melhor do que nós mesmos, não! O que bate nesse coraçãozinho aí, agora, só você sabe como dói, de que forma dói, ninguém mais!

Ter vontade própria é uma coisa muito bacana! E dá um poder incrível! Na  verdade,  esse poder não nos é concedido, ele está dentro da gente.  E nós, na nossa burrice, é que damos aos outros o nosso poder pessoal. E aí o povo samba em cima da gente!

A vida nos fez inteiros e nós fomos distribuindo pedaços de nós mesmos por aí, nos desvalorizando por completo, dando mais poder aos outros de gerir o nosso querer, do que nós mesmos. Tá certo? Não tá! O que fazer?  Não permitir que a vaidade seja maior do que o foco, Os outros podem ser muito importantes na vida da gente, mas a criatura mais importante pra nós, somos nós mesmos!

É isso! 

Um abração!

Nenhum comentário:

Postar um comentário