15 de ago de 2014

Caso do Paraná: Pai incentivou o filho a brincar com leão

O Brasil inteiro ficou perplexo com o fato ocorrido no Paraná, onde o tigre Hu dilacerou o braço direito do menino Vrajamany de apenas 11 anos. Mas uma dúvida ficou no ar: Afinal, o menino avançou a grade de proteção numa distração do pai ou com a conivência dele?

Vários têm sido divulgados na internet eliminando todas as interrogações. O pai, não só sabia que o filho havia ultrapassado a grade de proteção para brincar com os animais, como incentivou o filho a continuar a fazê-lo, dando ainda mau exemplo ao filho menor, dizendo que seu irmão era muito corajoso.

Inclusive, na foto que ilustra o post dá para ver que o pai estava tranquilamente apreciando a perigosa brincadeira do filho. Ou seja, um irresponsável!

Nenhum comentário:

Postar um comentário